fbpx
Now Reading
5 coisas nojentas na Europa

5 coisas nojentas na Europa

Tempo de Leitura: 4 minutos

Algumas coisas eu imagino que você já deve ter escutado… Outras, acho que pode ser bem inusitada! Mas acredite: eu já vivi isso aqui!

1 – Desodorante, cadê você meu bem?

Jamais entenderei a falta de hábito do abençoado desodorante. Eu não entendo muito bem o motivo: se o desodorante “vence” rápido no corpo, ou se economizam para passar ou se não passam nada mesmo. O fato é que chega o verão e é tenso entrar em metrô ou ônibus lotado, porque aquele cheirinho desagradável fica comunitário. Já pensei na possibilidade de ser porque no inverno, por não fazer tanto calor e eles – teoricamente- não suarem, então não têm esse hábito, mas no verão é muito comum de sentir esse cheirinho de cebola vencida em qualquer parte na Europa.

Vocês acham que em Paris as pessoas são finas, elegantes e sinceras? É porque não passou 5 minutos do lado de algum parisiense no metrô lotado em horário de pico em pleno verão europeu com aquele 3L de perfume de marca chique no cangote… Uma delícia! Realmente muito fino.

2 – Banho gasta a pele

Não posso dizer que todos os Europeus não tomam banho. Os que eu conheci ou são mais próximos, pelo menos, tomam banho todos os dias. Exceto os dias que ia direto do trabalho pra festa e voltava à noite e ia dormir direto – mas isso eu tô de olho em Brasileiros fazendo igual! Mas sei que não é algo tão rigoroso igual no Brasil, afinal, somos ensinados que devemos tomar banho pelo menos uma vez ao dia!

Já aqui na Europa, já ouvi dizer que ”banho gasta a pele”. Exatamente, algumas pessoas dizem que tomar banho demais faz mal para pele, resseca demais. Se é verdade ou não, eu não sei… Mas os melhores cremes para pele seca eu encontrei aqui na Europa por preços bem mais acessíveis que no Brasil!

3 – A regra de escovar os dentes pelo menos 3 vezes ao dia não chegou por aqui!

Em questão de higiene, no geral, Brasileiros estão de parabéns! Eu me sentia uma alienígena quando estudava na Suíça: era a ÚNICA que escovava os dentes depois de almoçar. E todos achavam estranho quando ia ao banheiro apenas para escovar os dentes no meio do dia. Tanto que o horário de almoço é reduzido a meia hora apenas!

E isso é muito normal aqui… Eu xingava meu ex e já ensinei o atual: escovar dente não tem limites! Comeu, escova os dentes. Não escutam sempre, mas sigo na minha missão de mostrar que precisa!

Inclusive, uma amiga minha Italiana me disse uma vez que “dentes brancos é sinal de dente fraco. Dentes fortes são amarelos”. E eu tava de olho no excesso de café, tabaco e a falta de higiene bucal dessa galera por aqui! Ainda mais porque dentista por aqui é uma fortuna! Você vende seu rim para recuperar seu segundo molar -brincadeira a parte, mas é caro mesmo!

4 – Assoar o nariz em público é algo normal

É nojento? é. Mas é um baita alívio!

Quem tem ou sofre de sinusite com frequência, sabe bem o que é ficar sugando aquela coisa para dentro de você até parar na sua testa e secar e dar infecção porque você não assoa o nariz! E dói! Não apenas dói, mas já aconteceu comigo de ficar enjoada, dar enxaqueca e é horrível. Então, pelo menos para mim, foi um alívio poder assoar meu nariz livremente por aí.

Mas que é um nojo, você estar sentada na sala de aula e seu coleguinha ao lado solta aquele catarrão num lencinho de papel… É nojento demais!

See Also

Eu tenho a impressão que isso é hábito mais no norte Europeu, não vejo muito isso na Espanha ou em Portugal. Talvez esse hábito tenha surgido justamente pelo frio, porque o nariz vai escorrer sim ou sim quando o frio é demais e não dá para disfarçar ou ficar aspirando isso todo o tempo, né.

5 – A Hungria e alguns países ao redor usam uma privada com formato diferente

Não é muito diferente, mas é bem esquisito! Eu achei um pouco nojento… Vou explicar por quê: nossa privada basicamente um vaso com água no fundo, não é? Pois é, lá também tem água no fundo, mas quando você faz suas necessidades, passa por um ”degrau” que fica bem pertinho de você antes de ir para água. Então, na verdade você faz suas necessidades no vaso e não na água… E com a descarga, a força da água empurra “suas coisas” para a água e desce.

É nojento porque você faz suas necessidades como se fosse no chão… E outra coisa é porque a pressão da água nem sempre é tão forte, imagina você num dia ruim vai ter seu momento de rei/rainha e o troço não desce? Ah nem… nojento demais só de pensar!


Já pensou em conhecer diversos lugares na Europa, ter experiências únicas mas sem ter todo o trabalho de organizar tudo por conta própria e ainda com a segurança de aproveitar a viagem sem perrengues e com o melhor custo-benefício?

Mas se você é daqueles que quer fazer tudo por conta própria, cuidado com perrenguessó é legal quando é com os outros na internet, mas a realidade é que você pode acabar gastando muito mais e aproveitando pouco da sua viagem! Confira as dicas para mochileiros no Eurotrip Raíz e se precisar de qualquer orientação para poder te ajudar no planejamento da sua viagem pela Europa, faça a Consultoria Around!

View Comments (0)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Assessoria de Viagem para Brasileiros

Copyright © 2020 | All rights reserved

Scroll To Top