fbpx
Now Reading
Zakopane: as montanhas Polonesas

Zakopane: as montanhas Polonesas

Tempo de Leitura: 6 minutos

Há 100Km de Cracóvia é possível encontrar uma região muito interessante, onde a tradição polonesa tem vida, você volta ao tempo das carruagens, o ambiente camponês entre as montanhas dá aquele clima de cenário de filme.

Uma vilazinha pequena, com casas de madeira, fazendas pequenas e muitas com criação de cabras. Já imaginou? Sim, é uma paz esse lugar… Realmente incrível. Até o nome dado não é por acaso!

Zakopane vem de uma lenda que conta sobre um pastor com sua ovelha andava no monte Gubałówka, apreciando o tempo bom e a vista maravilhosa do horizonte no meio das montanhas Tatra em busca de um lugar definitivo para ficar. Para isso o pastor chegou em um lugar e resolveu enterrar uma semente de aveia para ver se realmente seria bom. Depois de algum tempo, o pastor voltou na região e notou que foi um lugar excelente e deu uma boa colheita. Por isso, do enterro desse grão, surgiu Zakopane! Em polonês seria ”skarby zostały zakopane” = o tesouro foi enterrado.

Centro de Zakopane

A região começa nos pés das montanhas Tatra, fazendo divisa com a Eslováquia. O clima é mais ameno e típico de montanha. No inverno neva e faz bastante frio. Mas no verão o clima fica mais ameno, e pode fazer todas as estações em um dia: chover, fazer sol, abrir o tempo e fechar e tudo em questão de poucos minutos.

O que fazer por lá

Depende da época do ano. Eu fui final de Junho e a Europa está passando por uma onda de calor. O que colaborou positivamente com o tempo em Zakopane, porque não fez frio mesmo chuviscando às vezes. Mas no inverno deve ser mágico também, porque toda a estrutura é propícia para um inverno aconchegante e típico de inverno nas montanhas, como em filmes!

É um destino de férias de verão e inverno, sendo que no verão é perfeito para fazer trilhas e no inverno é o destino para os amantes de esportes de neve. E o melhor: é um destino barato para inverno nas montanhas dentro da Europa!

A cidade em si é uma graça, bem pequena e organizada. Tem vários bares e restaurantes típicos, com detalhes em madeira e detalhes da região, arquitetura típica, pessoas com trajes típicos e até músicas sertanejas – polonesas, mas é divertido ver. Realmente eu tive um imersão cultural enorme por lá! Acho que não há coisa melhor para sentir o lugar do que comer, beber e escutar a música local!

Se quiser saber mais sobre o que eu provei em Zakopane e um pouco mais sobre a culinária Polonesa, fiquem atentos que em breve eu publicarei um artigo bem massa!

Independente se é inverno ou verão é possível visitar esse lugar mágico da foto, parece que você foi parar dentro do fundo de tela do Windows.

Lago Morsie Oko

Não se preocupe, mesmo se você não seja muito fã de trilhas, esse lugar é bem tranquilo de chegar! Eu realmente achei incrível a infra estrutura para chegar em um lugar tão lindo assim e se manter tão maravilhoso.

Morskie Oko

Entre todas as montanhas ao redor, esse lugar era onde eu queria ir. Na minha humilde opinião, é o lago com a vista das montanhas mais bonita. O nome Morskie Oko significa: Olho do mar, e é onde tem o maior lago das montanhas Tatra, com profundidade de 50m.

Lago Morsie Oko com o Chalé no fundo

Quando você olha esse paraíso, você não tem ideia que até cadeirante pode chegar aí! Sim. Pode! A trilha eu nem chamo de trilha, é só um caminho asfaltado que é proibido carros a não ser as charretes ou os legalizados da região (polícia, ambulância, e estaduais para manutenção). O problema é que são mais de 2h de caminhada para chegar até o lago, mas até 20 minutos do chalé principal que fica em frente ao lago, tem banheiros químicos no caminho e alguns atalhos de pedra para poder chegar em menos de 2h.

Se você não é fã de caminhadas, não tem problema! Como eu disse, as charretes são permitidas e custam 30 zlotes (equivalente a €7.10) por pessoa a cada trajeto (ída ou volta). Eles te deixam ha 20 minutos do chalé principal e ha 5 minutos do primeiro chalé que tem um pequeno centro comercial.

A vista é sensacional. Mas não há nada que seja bom que possa melhorar… Para quem curte trilha assim como eu, é possível contornar o lago em uma trilhazinha nutela bem abertas e com pedras. Obviamente que se você optar por ir no inverno, a trilha já não será nutela mais, porque tudo que é neve e junta com água, vira gelo e escorrega bastante. Mas quando é verão, é bem tranquilo.

Pros empolgados de plantão, dá pra subir as montanhas também. Se quiser cruzar para Eslováquia também é possível! Porém eu não cheguei nesse nível de empolgação e parei no meio do caminho, pegando a trilha vermelha e fui parar no meio da montanha. Exatamente do outro lado do lago, subindo as montanhas para chegar ao Czarny Staw pod Rysami (Lago negro abaixo da Montanha Rysy).

Eu comecei pelo lado direito do lago e dizem ser a trilha vermelha, mas não cheguei a ver indicação. Vi quando estava subindo, Czarny Staw fica ha 50 minutos do Chalé principal e é um pequeno lago escuro que parece um espelho, fica a 1,583m acima do nível do mar e, apesar de não parecer, tem 76m de profundidade.

See Also

Lago Czarny Staw

Como chegar em Morskie Oko

A trilha começa praticamente com a fronteira com a Eslováquia e você tem que pagar a entrada para o parque no valor de 5 zlotes.

De Carro

Como estava de Carro em Zakopane, pegamos a estrada depois do café da manhã e fomos em direção a Eslováquia. Paramos em um estacionamento perto da entrada do Parque que custa em média de 60 zlotes pelo dia todo. Veja o mapa o caminho desde Zakopane:

Bate e Volta desde Cracóvia

Existem vários tours desde Cracóvia para para Zakopane e Tatra Mountains em um dia. Para quem tem pouco tempo e muita vontade de explorar vários lugares, eu recomendo os pacotes oferecidos pela Get Your Guide:

Ônibus

A região tem muito a oferecer, inclusive dá para explorar mais como piscinas termais e saunas, outras montanhas, culinária e muito mais. Acredito que uma excursão de 10 horas é realmente bem cansativo pode ser bem corrido. Eu recomendaria ficar em Zakopane por alguns dias, existem opções de transporte desde Cracóvia até Zakopane e a viagem é bem tranquila com lindas paisagens.

Eu geralmente verifico os preços de ônibus e trem no Omio (antigo Go Euro), e se vocês pesquisarem preços por pelo blog, você contribui com meu trabalho!

Onde se Hospedar

No caso de seguir minha recomendação, eu sugiro ficar em algum Hotel na cidade de Zakopane mesmo. Eu fiquei um pouco afastada da cidade porque estava de carro, porém tudo é meio fora de mão, e no centro de Zakopane eu acho que é mais prático para movimentar e até sair. Confira os preços abaixo e faça sua reserva:

Booking.com

Já pensou em conhecer diversos lugares na Europa, ter experiências únicas mas sem ter todo o trabalho de organizar tudo por conta própria e ainda com a segurança de aproveitar a viagem sem perrengues e com o melhor custo-benefício?

Mas se você é daqueles que quer fazer tudo por conta própria, cuidado com perrenguessó é legal quando é com os outros na internet, mas a realidade é que você pode acabar gastando muito mais e aproveitando pouco da sua viagem! Confira as dicas para mochileiros no Eurotrip Raíz e se precisar de qualquer orientação para poder te ajudar no planejamento da sua viagem pela Europa, faça a Consultoria Around!

View Comment (1)

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Assessoria de Viagem para Brasileiros

Copyright © 2020 | All rights reserved

Scroll To Top